O poder e os sonhos

Os sonhos estão impotentes.

Na verdade, os que tem poder não mais sabem sonhar e, os que sabem sonhar não tem mais poder.

Ironia da política: o poder acaba por matar os sonhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *